in

Bolsonaro se mostra indignado e declara estar sendo alvo de boicote de pessoas importantes

A declaração do presidente se deu após o mesmo ser repreendido por autoridades por causa de suas falas.

Foto: Isac Nóbrega/PR

Nesta segunda-feira (12), o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) se mostrou indignado e declarou que está sofrendo boicote de pessoas importantes. A declaração do presidente vem em um momento de crise, pois recentemente Bolsonaro fez declarações consideradas antidemocráticas e  golpistas. “Os problemas fazem parte. Sabia que ia ser difícil, mas esperava contar com mais gente importante do meu lado. Lamentavelmente, muita gente importante aí boicota“, declarou o presidente.

Publicidade

A crise vivida em Brasília começou na sexta-feira (9), dia que o presidente do Senado Federal, Rodrigo Pacheco disse que não aceitará retrocessos na democracia do Brasil. Pacheco ainda continuou e também declarou que qualquer pessoa que agir contra a democracia será considerado inimigo da nação. Alinhado com o pensamento de Pacheco, o ministro do STF, Luís Roberto Barroso declarou que qualquer tentativa de impedir as eleições de 2022 será tratada como crime de responsabilidade.

A situação de Bolsonaro não está confortável, pois Arthur Lira, presidente da Câmara de Deputados também expressou que não irá apoiar e repudia qualquer pessoa que seja contra os princípios democráticos estabelecidos pela Constituição Federal. 

Publicidade

A manifestação das mencionadas autoridades acima veio após o presidente da República declarar haver a possibilidade das eleições de 2022 não ocorrerem, caso não haja um sistema confiável de votação. Para Bolsonaro o voto em papel seria o sistema mais seguro.

Publicidade

Após as fortes declarações o índice de rejeição a Bolsonaro aumentou veementemente o que dá espaço para um possível retorno de Lula ao cargo mais importante do Brasil. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade