in

Pai e filha morrem vítimas da Covid-19 com um dia de diferença; família fica desolada e detalhe comove

Homem deu entrada em mesmo hospital que a filha estava dois dias depois da internação dela.

G1

A pandemia da Covid-19 segue devastando milhares de famílias brasileiras dia pós dia. Embora o país tenha avançado no índice de vacinação da população, os números de novos casos e óbitos em decorrência de complicações da doença ainda preocupam.

Publicidade

Em Itapeva, no interior de São Paulo, um homem e sua filha morreram por infecção do coronavírus com um intervalo de apenas um dia. As vítimas foram identificadas como Nilton Cesar Bueno, de 57 anos, e Karen Bueno, de 28 anos, e estavam internados na Santa Casa do município.

Segundo a unidade hospitalar, a jovem deu entrada no dia 15 de junho, dois dias antes do seu pai. Em nota, a Santa Casa informou que o estado de saúde dos dois era gravíssimo. 

Publicidade

Mesmo com todos os cuidados médicos tomados, os dois não resistiram. Karen Bueno morreu na última quarta-feira (30), e Nilton, que apresentou uma piora repentina após a morte da filha, também veio a óbito, na tarde do dia seguinte. 

Publicidade

Em função dos protocolos sanitários da Covid-19, os familiares não puderam realizar as cerimônias de velórios. Karen foi sepultada no Cemitério Ecumênico de Itapeva na tarde da quarta, enquanto o funeral do pai dela foi realizado nesta manhã (2), no Cemitério Distrito do Guarazinho. 

Publicidade

Comoção e proximidade

Nas redes sociais, diversos familiares e amigos de Nilton e Karen prestaram homenagens. Um detalhe comovente revelado foi que os dois eram muito apegados desde a infância da menina. 

“Hoje eles se encontram na eternidade. O amor que eles tinham um pelo outro, não podiam viver longe um do outro. Descanse em paz Nilton. Hoje você com sua linda filha Karen. Meus sentimentos a toda família. Que tristeza. Vítima desse vírus”, desabafou um amigo no Facebook.

Números

Segundo o último boletim emitido pela prefeitura, Itapeva acumula 11.425 casos confirmados da doença desde o início da pandemia. Deste quantitativo, 10.838 já recuperaram, e outros 379 pacientes não resistiram às complicações da Covid-19.

Publicidade
Publicidade
Publicidade