in

Morte do padre Fernando Antônio, aos 37 anos, é confirmada: ‘grande perda’

Padre morreu vítima da Covid-19 depois de 18 dias internado em hospital de Vitória.

Facebook Arquidiocese de Vitória

O padre Fernando Antônio Silva de Souza foi mais uma vítima da Covid-19 no Brasil. Aos 37 anos, o pároco morreu nesta segunda-feira (21) depois de ficar 18 dias internado em um hospital particular de Vitória, capital do Espírito Santo.

Publicidade

O padre estava internado em estado gravíssimo na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), onde ficou intubado. No Instagram, a Arquidiocese de Vitória confirmou a morte de Fernando Antônio, que era padre desde 2017 e atuava também na Comissão Bíblico-Catequética, além de ser coordenador da Área Pastoral de Vitória.⠀

Muitas pessoas postaram mensagens lamentando a morte precoce do padre. “Grande tristeza. É mais um vida jovem a partir. Descanse em paz Pe. Fernando. Deus o acolha em sua morada eterna, conforto aos familiares, amigos e paroquianos“, escreveu um internauta.

Publicidade

“Muito triste. Foi muito receptivo comigo, quando fui conversar para batizar meu filho. Celebrou com responsabilidade e muita luz o batismos das nossas crianças. Deus o tenha em bom lugar”, postou mais uma. “Oh Senhor Jesus, console nossos corações e mais essa família que sofre pela perda do seu filho amado”, comentou outro.

Publicidade

Publicidade

Vítimas da Covid no Brasil passam de meio milhão

A Covid-19 já matou mais de 500 mil pessoas em todo o Brasil desde março do ano passado. O número foi alcançado no último sábado (19). O país é o segundo em número de óbitos em todo o planeta, atrás apenas dos Estados Unidos, que ultrapassou 600 mil mortes provocadas pela doença causada pelo coronavírus. A Índia ocupa o terceiro posto neste triste ranking.

Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!