in

Recém-nascida é abandonada e encontrada dentro de uma caixa flutuando em rio

A criança estava dentro de uma caixa de madeira ornamentada com tecidos vermelhos.

Anil Kumar/Arquivo Pessoal

Infelizmente, notícias sobre abandono de crianças ocorrem no mundo todo, gerando grande comoção na população. Assim como a história do príncipe Moises contado pela bíblia, em que um bebê é achado dentro de um cesto nas águas do rio Nilo, no Egito, uma criança foi resgatada nas mesmas condições que o personagem das escrituras sagradas.

Publicidade

O recém-nascido de aproximadamente 21 dias de vida foi resgatado dentro de uma caixa. A pequena estava dentro de uma caixa de madeira ornamentada com tecidos vermelhos e com imagens dos deuses hindus. Além dos detalhes da decoração no objeto, também havia uma inscrição informando a data de nascimento, horário, horóscopo e até o nome da menina.

Inclusive, conforme a inscrição a garotinha se chama Ganga, que é uma palavra hindu para o rio sagrado. A bebezinha foi achada por um barqueiro e felizmente está segura e recebendo todo o atendimento necessário em um hospital da região. A equipe médica que atuou no atendimento da pequena Ganga informou que o seu estado clínico é considerado bom.

Publicidade

“É difícil determinar quanto tempo ela ficou flutuando no rio”, explicou O. P. Singh, um dos polícias que atuaram na ocorrência em uma entrevista concedida à agência de notícias France Presse. “O barqueiro ouviu um choro que saía da caixa e encontrou a bebê”, ressaltou o agente.

Publicidade

As autoridades locais de Uttar Pradesh, estado que fica localizado na região norte da Índia, não deram nenhum tipo de informação sobre o que poderia ter levado a recém-nascida a ser abandonada nas águas do rio Ganges. Contudo, no país existe uma discriminação forte sobre o nascimento de meninas.

Publicidade

A chegada de uma criança do sexo feminino em uma família mais pobre pode acabar não sendo bem aceito, já que elas são vistas pela sociedade do país como sendo um fardo econômico. De acordo com a informação da BBC, o aborto ilegal do sexo feminino e o abandono das meninas recém-nascidas é algo comum em muitas localidades da Índia.

Publicidade
Publicidade