in

Sikêra comenta sobre família morta por serial killer no DF: ‘se tivesse um revólver’

Apresentador da RedeTV! é favorável ao armamento do cidadão durante comentário sobre ataques de criminoso no DF.

Reprodução YouTube Sikêra Jr.

Sikêra Jr. tem feito ampla cobertura sobre o caso do serial killer Lázaro Barbosa, criminoso que tem aterrorizado o Distrito Federal e o Entorno, nos últimos dias. No dia 9, Lázaro invadiu uma casa de família no Incra 9, em Ceilândia, e matou quatro pessoas: pai, mãe e dois filhos.

Publicidade

O crime chamou a atenção da polícia, que iniciou a caçado ao serial killer que acumula um ficha extensa de crimes desde 2007. Lázaro chegou a fugir da cadeia três vezes. Desde o dia 9, ele tem cometido uma série de crimes, como roubos e sequestros.

No Alerta Nacional, gravado nos estúdios da TV a Crítica e exibido para todo o Brasil pela RedeTV!, Sikêra comentou sobre a morte das quatro pessoas da mesma família e fez uma defesa do armamento para a população.

Publicidade

“Se aquela família que esse vagabundo matou tivesse um revólver, uma pistola… E legal, eu sou contra arma ilegal. Eu sou à favor da arma legal, com todos os protocolos do Exército Brasileiro, da Polícia Federal. Eu sou a favor do cidadão armado, muito bem armado e com munição nova, sempre renovada”, disse Sikêra, que sempre deixou claro seu posicionamento favorável ao armamento.

Publicidade

Segundo o jornalista, casos como esse mostram que o povo tem que ter direito à arma. O apresentador do Alerta Nacional falou sobre o caseiro que atirou em Lázaro Barbosa. Para Sikêra, o caseiro seria mais um nas estatísticas de vítimas do serial killer se não estivesse com uma espingarda calibre 12 para se defender. A família morta foi enterrada na segunda-feira (14), sob forte comoção.

Publicidade

Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!