in

Novo crime do serial killer Lázaro vem à tona: sequestro e abuso de jovem

A vítima afirma que sofreu violência nas mãos de Lázaro há 12 anos atrás e relata memórias trazidas pela chacina.

UOL | DIVULGAÇÃO | MONTAGEM INGRID MACHADO

Um dos assuntos que tem mais repercutido no noticiário é o do serial Killer Lázaro Barbosa de Souza, de 32 anos. Segundo informações do Correio Braziliense, o homem já havia causado traumas em outra família antes mesmo de cometer os homicídios no Incra 9, em Ceilândia.

Publicidade

O homem invadiu uma chácara no Sol Nascente, no ano de 2009, com apoio do irmão para prender todos as pessoas de uma família e sequestrar uma jovem de 19 anos. Segundo a vítima, que hoje tem 30 anos, ela viveu momentos tensos nas mãos de Lázaro.

A jovem afirma que ficou sob a mira de uma arma durante todo o ato de abuso sexual, que teria durado cerca de três horas. Ela, que não quer ser identificada, afirma que o serial killer, acompanhado de seu irmão Deusdete, que está morto, invadiram a chácara com armas e facões. O ataque durou cerca de uma hora. Os dois buscavam por dinheiro e outros itens para roubo.

Publicidade

A vítima revela que além dela, tios e primos ficaram o tempo todo sob a mira de armas, apanhando e sendo xingados pelos criminosos. Por não terem encontrado dinheiro, os dois bandidos prenderam os integrantes da casa no banheiro e tentaram roubar os carros que estavam estacionados no local, mas não conseguiram. 

Publicidade

Sem conseguirem roubar nada valioso, voltaram ao banheiro e sequestraram a jovem, que foi levada até o Córrego das Corujas. O local é o mesmo onde foi encontrado o corpo de Cleonice Marques, uma das mulheres mortas por Lázaro em 9 de junho. 

Publicidade

A vítima ainda afirma ter tentado conversar com os bandidos, mas eles só a deixaram ir quando viram um helicóptero da polícia. Eles mandaram a jovem se levantar e dar dez passos para frente. Ela afirma ter certeza que morreria naquele momento, mas quando se virou, notou que eles estavam fugindo. Lázaro chegou a ser preso por este crime, em Pirenópolis, Goiás. A jovem chegou a fazer reconhecimento do bandido. 

Tanto ela, quanto seus familiares deixaram a chácara e se mudaram para outra região.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Matheus Feitosa

Escrevo sobre TV, famosos e entretenimento desde 2011.

A atenção nos detalhes é o que nos faz prosperar.