in

Esposa de serial killer do DF fala pela primeira vez sobre o marido e o defende: ‘Não acredito em nenhum ritual’

Em entrevista ao Correio Brasiliense, jovem rompeu o silêncio sobre acusações contra o marido.

G1

Em meio às buscas pelo paradeiro de Lázaro Barbosa, que ficou conhecido como o serial Killer do DF, a esposa do suspeito falou pela primeira vez sobre o caso e defendeu o marido a respeito de algumas acusações que lhe foram imputadas. Em entrevista ao Correio Braziliense, a jovem de 19 anos disse não acreditar que o marido tenha praticado rituais macabros com as possíveis vítimas, conforme divulgado na imprensa.

Publicidade

Sem revelar a identidade, a esposa de Lázaro Barbosa deu alguns detalhes sobre a vida do marido e contou que o suspeito tinha fé em Deus e chegou a ser pregador da palavra enquanto esteve preso. A jovem afirmou que a família está sendo vítima de fake news e sofrendo com represálias por conta de notícias passadas ao público.

“Não acredito em nenhum ritual”, afirmou a mulher do serial killer do DF. A jovem defendeu o marido e foi categórica ao dizer que só acreditaria quando Lázaro fosse pego pela polícia e pudesse falar a respeito do que teria acontecido. A esposa de Lázaro Barbosa disse temer pela vida do marido e desejou que ele se entregue às autoridades.

Publicidade

Casada há quatro anos com Lázaro Barbosa, a jovem contou que o casal tem uma filha de dois anos que está sofrendo com a ausência do pai. A esposa do serial killer contou que a menina chama por ele quase todos os dias e que os dois seriam muito apegados. “Está todo mundo arrasado”, desabafou a mulher de Lázaro.

Publicidade

Lázaro Barbosa segue sendo procurado pela polícia em busca que já chegou ao oitavo dia na última quarta-feira (16). Suspeito de matar quatro pessoas da mesma família, o serial killer do DF tem deixado novas vítimas enquanto foge do cerco armado pelos policiais.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade