in

Secretário de Segurança responde sobre a possibilidade de acionar o Exército para capturar serial killer

Em entrevista, Rodney Miranda respondeu perguntas sobre a operação de busca por Lázaro Barbosa.

Ed Alves/Policia Civil

Na manhã desta quarta-feira (16), Rodney Rocha Miranda, secretário de Segurança Pública do Estado de Goiás, concedeu uma entrevista aos profissionais de imprensa que estão realizando a cobertura da mega operação de busca por Lázaro Barbosa, de 32 anos, suspeito de ser o responsável por tirar a vida de quatro pessoas de uma mesma família.

Publicidade

O secretário afirmou que, nesta terça-feira (15), Lázaro chegou a levar reféns à beira do rio, porém, a ação rápida e a estratégia das forças de segurança impediram que algo pior acontecesse.

“A área é muito grande e Lázaro a conhece muito bem. Mas ele está cansado e acuado”, afirmou Rodney, que explicou também que o perímetro das buscas está cada vez mais delimitado e que logo o suspeito será capturado.

Publicidade

Na mesma entrevista, ao ser perguntado acerca de como está o andamento da ação policial, o secretário afirmou que a equipe está constantemente se reorganizando, porém, não descartam nenhuma informação que chega a respeito do paradeiro de Lázaro, inclusive, tais informações teriam forte influência no deslocamento dos agentes de segurança.

Publicidade

Além disso, Rodney também respondeu sobre a possibilidade de convocar o Exército para auxiliar na varredura da área. Segundo ele, todo o apoio necessário para a realização da força-tarefa já está em operação e, por conta disso, se faz desnecessária a presença do Exército nesta missão.

Publicidade

Ele acrescentou ainda que a Polícia Rodoviária já está trabalhando juntamente com as demais forças e que, na terça-feira (15), a Polícia Federal esteve presente para acompanhar a operação.

“É questão de horas, no máximo dias, para tirarmos esse sujeito daqui. O importante é que não vamos deixar a região até achá-lo e também não vamos deixar desguarnecida a nossa população”, afirmou.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Higor Mendes

Redator com três anos de experiência, apaixonado por história da Segunda Guerra Mundial, política, futebol e curiosidades em geral.