in

Serial killer causa pânico e medo no DF; suspeito cometeu chacina e segue sendo caçado pela polícia

Lázaro Barbosa de Souza, de 33 anos, é suspeito de assassinar quatro pessoas na mesma família no DF.

G1 | Divulgação

A Polícia Civil do Distrito Federal segue em uma caçada ao serial killer identificado como Lázaro Barbosa Souza, de 33 anos. O suspeito vem aterrorizando regiões rurais do estado e é acusado de ter assassinado quatro pessoas da mesma família durante um assalto. De acordo com o site G1, pai, mãe e dois filhos foram executados pelo homem.

Publicidade

Lázaro também responde por homicídio no estado da Bahia e por crimes de estupro e roubo. A polícia define o suspeito como um serial killer pelo modo como ele aborda suas vítimas, sempre em fazendas e chácaras. Cláudio Vidal, e os dois filhos, Gustavo e Carlos Eduardo Vidal, foram assassinados a tiros e facadas na última quarta-feira (9).

Após o crime, Lázaro sequestrou a esposa e mãe das vítimas, Cleonice Andrade. Segundo o site Metrópoles, o corpo da mulher foi encontrado somente no último sábado (12), em uma zona de mata próximo ao local onde o suspeito assassinou a família.

Publicidade

Lázaro teria levado Cleonice ao perceber que a mulher pedia ajuda através do telefone. O corpo da vítima foi localizado em um córrego com sinais de violência. A força-tarefa do DF segue na caçada ao suspeito, contando com o apoio de um helicóptero e cães farejadores. No último sábado (12), a polícia emitiu um comunicado afirmando que Lázaro não estaria mais no DF.

Publicidade

O comunicado garantia que o criminoso não estaria mais nos arredores e que a polícia seguiria com buscas intensas para capturá-lo. Nesta quinta-feira (15), um caminhoneiro acionou a Polícia Militar de Goiânia e afirmou ter visto Lázaro atravessando a BR-070 em direção à área de mata. A polícia seguiu para o local em busca do suspeito.

Publicidade
Publicidade