in

Mãe deixa bebê de 2 meses em boca de fumo como garantia de dívida e recebe dura punição: ‘Repugnante’

A mulher seria usuária de drogas e foi localizada pela polícia após o abandono da criança.

G1 | Divulgação

Um caso inusitado ocorreu na cidade de Pontes de Lacerda, Cuiabá, na última terça-feira (8). Policias resgataram um bebê de dois meses de idade que foi abandonado pela mãe em uma boca de fumo do local. De acordo com o site G1, a mãe teria entregue o bebê aos traficantes como garantia do pagamento de uma dívida.

Publicidade

Segundo a Polícia Militar, a mulher de 28 anos seria usuária de drogas. Duas mulheres estavam na companhia do bebê quando a polícia chegou ao local e não assumiram que a criança teria sido deixada como garantia de uma dívida de entorpecentes. As suspeitas revelaram que apenas estavam cuidando da criança para a mulher, informações rebatidas pela polícia.

O bebê de apenas dois meses foi entregue ao Conselho Tutelar e levado ao Lar de Apoio à Criança de Cuiabá. Tanto a mãe da criança como as duas mulheres possuem passagem pela polícia por tráficos de drogas na região. O juiz Cláudio Deodato Rodrigues Pereira, da 2ª Vara de Pontes e Lacerda, determinou a retirada da guarda do bebê da mãe.

Publicidade

Nessa situação repugnante, a mãe de um bebê o entregou em uma boca de fumo como garantia que retornaria para pagar. A criança foi, de certa forma, um pagamento pela droga adquirida”, afirmou a delegada responsável pelo caso, Bruna Caroline Laet.

Publicidade

A mãe do bebê também é mãe de outras cinco crianças, porém, nenhuma está em seu convício. De acordo com informações da polícia, a mulher é usuária de drogas há cerca de 10 anos. Ainda segundo a polícia, o bebê estava sob os cuidados da avó materna antes de ter sido entregue à boca de fumo.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade