in

Avó de grávida que morreu por bala perdida suplicou ajuda: ‘Gente, para de dar tiro, socorre minha neta’

Kathlen acabou sendo alvejada durante confronto entre policiais militares e traficantes na Zona Norte do Rio.

G1 - Montagem

A morte da jovem Kathlen Romeu, de 24 anos, gerou forte comoção nacional nas últimas horas. Caminhando por uma rua de Lins de Vasconcelos, na Zona Norte do Rio, ela foi atingida por uma bala perdida após um confronto entre policiais e traficantes da região. Grávida de 14 semanas, a mulher foi socorrida, mas não resistiu aos ferimentos quando chegou no hospital.

Publicidade

Em entrevista à imprensa nesta quarta-feira (9), a avó de designer de interiores, Sayonara de Oliveira, detalhou momentos vivenciados com o desespero da neta ter sido alvejada durante a ação policiais. A avó disse ter se jogado sobre Kathlen ao vê-la no chão após os tiros, para protegê-la, e somente depois notou que a jovem havia sido baleada. 

“Quando começou o barulho do tiro, minha neta caiu no chão. Achei que ela tinha se jogado, me joguei em cima dela, e vi um buraco [no corpo dela]. Levantei e falei: ‘Gente, para de dar tiro, socorre minha neta’, eles socorreram pois eu gritei, eles não queriam nem que eu fosse no carro com ela”, desabafou a avó da vítima. 

Publicidade

Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde do Rio afirmou que Kathlen teve óbito constatado logo após chegar no Hospital Municipal Salgado Filho, situado próximo ao local do confronto. 

Publicidade

Mãe revoltada 

Em contato rápido com a imprensa, a mãe da vítima, Jakelline de Oliveira, fez um desabafo sobre a perda irreparável e acusou a Polícia Militar pela morte da filha.

Publicidade

Em um pronunciado emitido, a PM informou que agentes que ocupavam uma UPP no Barro Vermelho foram alvejados por criminosos da região e reagiram ao ataque.

O sepultamento de Kethlen ainda não teve data e horário revelado. A designer de interiores estava bastante animada com a notícia da gravidez do primeiro filho. Em post nas redes sociais, o namorado dela e pai da criança, fez um desabafo comovente. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade