in

Caso Eloá Cristina: Justiça toma decisão favorável a Lindemberg Alves, que vai para o semiaberto

Condenado a 39 anos, ele cumpriu 13 anos de pena e vai deixar a cadeia durante o dia.

Reprodução Aventuras na História

Lindemberg Alves foi condenado a 98 anos e 10 meses de prisão pela morte da ex-namorada. O caso Eloá Cristina Pimentel repercutiu em todo o Brasil, em 2008. No dia 13 de outubro daquele ano, Lindemberg invadiu o apartamento onde a adolescente de 15 anos morava, em Santo André.

Publicidade

Ele tinha 22 e não aceitou o fim do relacionamento com a menor de idade. Eloá estava fazendo trabalho escolar quando o ex-namorado invadiu o apartamento. Dois adolescentes que estavam com ela foram liberados. Eloá ficou acompanhada da amiga Nayara Silva.

Depois de mais de 100 horas, a polícia invadiu o apartamento e Lindemberg atirou contra Eloá e Nayara. Esta segunda jovem havia sido liberada, mas voltou ao apartamento com autorização da polícia e acabou refém novamente.

Publicidade

Eloá foi levada ao hospital, mas não resistiu e morreu horas depois. O caso repercutiu nacionalmente e autoridades e até a imprensa foram criticadas pela opinião pública. Em junho de 2013, o Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) reduziu a pena de Lindemberg para 39 anos e 3 meses de prisão.

Publicidade

Publicidade

Nesta quarta-feira (9), uma nova notícia foi divulgada. Depois de 13 anos preso, Lindemberg Alves vai cumprir o restante da pena em regime semiaberto, em que o preso passa o dia fora e retorna à cadeia para dormir – devido ao bom comportamento. A informação foi dada pelo programa Balanço Geral, da RecordTV. Nas redes sociais, muitas pessoas já estão comentando indignadas sobre a decisão envolvendo Lindemberg e criticando a Justiça brasileira. Toda a decisão foi baseada na lei.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!