in

Jovem é presa acusada de matar atriz pornô no Rio de Janeiro

A jovem é acusada de matar a atriz em seu apartamento na Baixada Fluminense

Reprodução/Correio Braziliense

Em nota divulgada pela Polícia Civil do Rio de janeiro, foi presa uma mulher que é suspeita de matar a atriz pornô Luane Honório de Souza. O crime foi cometido em 2020, em um apartamento na cidade de Nilópolis, na Baixada Fluminense. Luane ficou internada no hospital por três meses, mas não resistiu aos ferimentos.

Publicidade

Sobre a atriz Luane 

Luane Honório de Souza, de 28 anos, é conhecida pelo seu nome artístico Aline Rios e participava como atriz em filmes eróticos. Luane marava em um apartamento na Baixada Fluminense, na cidade de Nilópolis.

Como ocorreu e qual a motivação do crime 

Vitória Roberta Alves da Silva, de 19 anos, é a jovem acusada de ser autora do assassinato da atriz. Ela vivia junto com a atriz no mesmo apartamento e foi encontrada, nesta segunda-feira (07), pela polícia da 57ª DP no centro de Nilópolis. A jovem tinha um mandado de prisão em aberto e já possuía passagem por furto de veículos e também por tráfico de drogas.

Publicidade

Vitória e Luane era velhas amigas, e a atriz estava preocupada com Vitória por causa de sua situação financeira. Luane convidou a amiga para dividir o apartamento e após 5 dias de convívio ocorreu o assassinato.

Publicidade

Depois de esfaquear a atriz no pescoço, Vitória roubou e vendeu pertences de sua vítima para comprar drogas. Testemunhas viram Vitória vendendo um secador, um micro-ondas e a chapinha de Luane no centro da cidade. Segundo as investigações, as duas teriam discutido por questões financeiras. Só após mais de um ano do assassinato, a polícia cumpriu o mandado de prisão de Vitória.

Publicidade

Publicidade
Publicidade