in

Advogado do assassino da creche cita pessoas que ‘colaboraram’ para o crime: ‘mãos sujas de sangue’

Demetryus Eugênio Grapiglia falou sobre o crime cometido por Fabiano em entrevista inédita.

Reprodução Record TV

Fabiano Kipper Mai, de 18 anos, rapaz que invadiu creche na cidade de Saudades, Oeste de Santa Catarina, no dia 4 de maio, segue preso em Chapecó à espera de julgamento que deve condená-lo a muitos anos de prisão. Fabiano é acusado de cinco homicídios e 14 tentativas de homicídio.

Publicidade

Demetryus Eugênio Grapiglia, advogado do assassino, deu entrevista ao programa ClicRDC e falou sobre o bullying que Fabiano sofria na infância. O primeiro plano dele era, inclusive, invadir a escola onde estudou. Como não conseguiu comprar uma arma de fogo, desistiu da ideia.

Segundo Demetryus, Fabiano falou sobre o bullying que sofria na escola. Ele teria sofrido agressões verbais e físicas. “Era uma coisa que merecia até ser divulgada o nome das pessoas (que praticaram o bullying)”, disse o advogado na entrevista.

Publicidade

O profissional foi ainda mais contundente nas críticas. “Pessoas que cometem bullying, indretamente, eu entendo que elas também tem as mãos sujas de sangue”, disse o advogado, fazendo um alerta sobre o bullying. Fabiano Mai matou duas professoras e três crianças menores de dois anos ao invadir a creche de Saudades. O assassino tentou tirar a própria vida, mas foi socorrido, encaminhado ao Hospital Regional de Chapecó (HRO) e se recuperou.

Publicidade

Na cidade de pouco menos de 10 mil habitantes, Fabiano morava com o pai, mãe, avó e irmã. Saudades ficou chocada com o crime ocorrido no começo do mês de maio. Pouco mais de um mês depois, os moradores da cidade tentam voltar a vida ao normal em meio ao luto.

Publicidade

Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!