in

Infectado com Covid-19, homem foge de hospital por achocolatado: ‘Não me importo morrer, quero Toddy’

Caso aconteceu na última quarta-feira (26) e deixou todos os envolvidos perplexos pelo desejo do paciente.

R7 - Imagem meramente ilustrativa

Um caso pra lá de atípico foi registrado na cidade Banswada, no distrito de Kamareddy, na Índia, na última quarta-feira (26). Diagnosticado com Covid-19, um paciente fugiu da unidade hospitalar, que estava internado, e se recusou a entrar na ambulância até que os socorristas atendessem sua exigência: ele queria tomar achocolatado. 

Publicidade

Após ter o desejo saciado, o homem de 55 anos concordou em entrar na ambulância e foi novamente conduzido para ao centro de quarentena da unidade hospitalar de onde fugiu. 

Por conta da sua contaminação por Covid-19, até mesmo a equipe policial que ajudou no atendimento à ocorrência adotou cautela. As informações foram reveladas pelo site India Newspaper. 

Publicidade

A fuga

Em tratamento no hospital de Banswada, o homem tinha testado positivo para a Covid-19, e resolveu se evadir do local, para a surpresa dos enfermeiros, que não o encontraram no seu leito. Diante do desaparecimento do paciente, as autoridades foram acionadas para fazer uma varredura pela cidade no encalço do homem. 

Publicidade

Após 24h de buscas, o paciente infectado foi encontrado próximo a um caminhão-tanque. Abordado pelos policiais, ele admitiu a fuga da unidade hospitalar e se recusou a retornar para a ambulância, se queixando da “falta do achocolatado”. 

Publicidade

“Não me importo de morrer de Covid-19, mas não posso viver sem tomar Toddy. Eu não recebo Toddy no hospital e não irei para lá”, afirmou o paciente, pegando todos os socorristas e policiais de surpresa.

Para tentar contornar o cenário e reconduzir o paciente para o hospital, evitando assim uma disseminação do vírus, a equipe atendeu ao desejo do homem e trouxe um pouco de Toddy para ele, que concordou em ser levado de volta para a unidade de saúde. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade