in

Ameaçada pelo marido, mulher liga para PM pedindo pizza e agente entende o pedido de socorro

Caso foi registrado no interior de São Paulo e chamou atenção dos moradores; homem segue sendo procurado.

Divulgação PM

Um caso curioso registrado em Andradina, no interior de São Paulo, chamou a atenção de agentes da Polícia Militar. Uma mulher de 54 anos conseguiu pedir socorro à Polícia Militar de uma forma atípica para denunciar estar sendo vítima de violência doméstica. Ela ligou no 190 dizendo ao policial que queria pedir uma pizza. 

Publicidade

Segundo informações repassadas pela Polícia Militar, o caso ocorreu na noite da última terça-feira (25). Na ligação para o Copom, a mulher pediu uma pizza e ainda discou o número 190, e rapidamente foi interpretada pelo agente que atendeu a ligação. Ao perceber que se tratava de uma mensagem codificada, o soldado Cássio Júnior dos Santos, encaminhou uma equipe até à residência do casal. 

Na casa, os agentes policiais se depararam com o homem fugindo. Ao ver a viatura, ele conseguiu se evadir do local. Os PMs envolvidos na operação ainda fizeram varreduras pelo bairro, mas não desvendaram o paradeiro do companheiro da mulher. 

Publicidade

Segundo o Copom, existe um treinamento inspirado em outros casos para que agentes policiais consigam interpretar chamados por este e agir de forma correta nas operações.

Publicidade

Histórico de crimes

De acordo com a mulher, o companheiro já ficou preso por mais de 20 anos, e costumava ameaçar ela os filhos de morte. Na residência, a vítima pediu que os policiais checassem uma motocicleta que estava na residência e constataram que o veículo era produto de furto. O homem tem 57 anos, e até o fechamento desta matéria não havia sido detido pelas autoridades. 

Publicidade

Um boletim de ocorrência foi registrado contra o homem na Delegacia Seccional de Andradina, tendo sido fixado como ameaça, localização e apreensão do veículo produto de furto e violência doméstica.

Publicidade
Publicidade