in

Bebê de cinco meses intubado com 80% dos pulmões comprometidos morre com Covid-19; mãe desabafa: ‘muito sofrido’

Pequena Sarah ficou pouco mais de duas semanas tratando uma infecção e acabou não resistindo.

G1

Internada desde o dia 10 de maio em leito de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital particular em Santos (SP), a pequena Sarah Vitória Domingues, de cinco meses, não resistiu às complicações da Covid-19, e teve morte confirmada nesta sexta-feira (28).

Publicidade

A bebê teve que ser intubada após ser diagnosticada com comprometimento de 80% dos pulmões. Sarah estava na UTI desde o dia 15, e morreu um dia antes de completar seis meses de vida.

No mesmo dia em que foi internada, Sarah e a mãe testaram positivo para a Covid-19. Em entrevista ao portal G1, Sameque Vitória Gois, de 22 anos, informou sobre o óbito da filha, que sofreu uma parada cardiorrespiratória e não resistiu. O sepultamento será em um cemitério de Santos, nesta manhã (28). A cerimônia está prevista para às 9h.

Publicidade

Complicações 

Desde quando foi internada, a bebê teve que superar diversos quadros delicados. O primeiro deles foi uma anemia profunda, onde familiares tiveram que realizar campanha para doação de sangue. 

Publicidade

Posteriormente, a menina ainda foi submetida a uma cirurgia de emergência para drenar o ar que havia vazado dos pulmões para o interior do tórax. 

Publicidade

Foi muito sofrido. A gente descia para comer alguma coisa e via praias lotadas, bares, mães andando com bebês da idade da Sarinha no carrinho. Então, eu peço que essas pessoas fiquem em casa, porque elas não sabem o risco que os filhos estão correndo”, desabafou a mãe de Sarah. 

A jovem ainda enfatiza a importância dos pais cuidarem dos filhos protegendo-os contra o coronavírus, ela admite que não tinha o conhecimento do quanto o vírus poderia ser letal contra crianças de pouca idade.

Publicidade
Publicidade
Publicidade