in

Bebê morre, vizinhos acusam a mãe e polícia finaliza investigação

Bebê de três meses foi encontrado morto pela mãe, que acabou acusada por vizinhos.

Reprodução G1

O bebê Álvaro Daniel da Silva Nunes, de apenas três meses, morreu no dia 17 de maio na cidade de Luis Gomes, oeste do estado do Rio Grande do Norte. A morte causou grande comoção e vizinhos chegaram a acusar a mãe da criança pela morte repentina. Ela teria participado de festa na noite anterior a morte do filho.

Publicidade

A mulher de 24 anos foi levada à delegacia no dia da morte do bebê, prestou depoimento, mas foi liberada pelo delegado Paulo Cesário. De acordo com o responsável pelas investigações, não havia evidências de que ela tivesse cometido crime.

Para o delegado, a mulher contou detalhes do ocorrido. Ela disse na manhã do dia 17 de maio percebeu que o filho não respirava e saiu para pedir ajuda na comunidade. O bebê foi levado a uma unidade de saúde, mas não resistiu e morreu.

Publicidade

“Após a realização de inúmeras diligências, bem como com a liberação do laudo de exame necroscópico pelo Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) de Pau dos Ferros, nós chegamos à conclusão que a morte da criança foi uma fatalidade”, afirmou Paulo Cesário após conclusão do laudo.

Publicidade

Segundo delegado, caso parecido de morte acidental de uma criança havia sido registrado na região em 2017. Ele vai pedir o arquivamento do caso envolvendo a morte do bebê de três meses e a mãe não será indiciada no inquérito que investigava o ocorrido.

Publicidade

O laudo não apontou o que exatamente causou a asfixia do bebê de três meses, mas Cesário acredita que tenha sido o leite materno. A causa, portanto, foi acidental e não intencional.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!