in

João de Deus é condenado pela 4ª vez e soma das penas é assustadora

Nesta terça-feira (25), o ex-líder religioso recebeu sua 4ª condenação, por violência sexual mediante fraude.

Divulgação / Jovem Pan

Nesta terça-feira (25), o ex-líder religioso João de Deus foi condenado a dois anos e meio de prisão pelo crime de violação sexual mediante fraude. A decisão assume a posição da quarta condenação de João Teixeira de Faria e foi definida após investigações acerca do crime ocorrido em junho de 2018.

Publicidade

De acordo com o Tribunal de Justiça, as condenações de João de Deus por posse ilegal de arma, abuso sexual e estupro somadas com esta última já ultrapassam 64 anos de reclusão.

João de Deus permaneceu detido no Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia entre dezembro de 2018 e março de 2020, porém por conta do avanço da pandemia do novo coronavírus no Brasil, o mesmo passou a cumprir sua detenção em regime domiciliar, em Anápolis.

Publicidade

A decisão desta terça-feira (25) foi proferida pelo juiz Renato César Dorta Pinheiro, do Tribunal de Justiça de Goiás, e ainda é passível de recurso por parte da defesa do condenado.

Publicidade

Outras três condenações de João de Deus

João de Deus ainda é réu em outros dez processos, porém, antes da condenação desta terça-feira (25), ele já havia sido condenado em outras três oportunidades. Na primeira, em novembro de 2019, João foi condenado a 4 anos de prisão em regime semiaberto, por posse ilegal de arma.

Publicidade

Já em dezembro do mesmo ano, por crimes sexuais cometidos contra quatro mulheres, o ex-líder religioso recebeu a pena de 19 anos em regime fechado. Enquanto, em janeiro de 2020, recebeu uma pena de 40 anos em regime fechado por conta de crimes sexuais cometidos contra outras cinco mulheres.

Publicidade

Escrito por Higor Mendes

Redator com três anos de experiência, apaixonado por história da Segunda Guerra Mundial, política, futebol e curiosidades em geral.