in

Professora e diretora de creche são mortas com muitos tiros; merendeira escapa por um triz

Caso aconteceu na manhã de ontem, na zona leste da cidade de São Paulo.

Reprodução Record TV

A diretora Jéssica Aparecida Lopes Frazão, de 31 anos, dirigia seu veículo Tucson preto pela Avenida Professor Oswaldo de Oliveira, no bairro José Bonifácio, zona leste de São Paulo, na manhã de ontem (24), quando o veículo foi metralhado por assaltantes. 

Publicidade

Além da diretora Jéssica, estavam no veículo a professora Marli Gomes de Lima Lana, de 42 anos, no banco de trás. Ao lado da motorista, no banco do carona, estava a cozinheira da creche, cuja identidade não foi revelada. As três estavam a caminho do Centro de Educação Infantil (CEI) Jardim Lapena.

Passando pela avenida Professor Oswaldo de Oliveira, o carro foi cercado por outros dois veículos com homens armados. No carro de Jéssica havia a marca de 11 tiros. Ela e Marli não resistiram. A cozinheira escapou por um triz e não foi atingida por nenhum dos disparos.

Publicidade

De acordo com a polícia, a quadrilha que interpelou o carro das professoras queria assaltar o veículo que fazia a escolta para um dono de posto de combustível da região. Os investigadores do 63º DP da Vila Jacuí acreditam que os bandidos confundiram os veículos. O ataque ao carro errado resultou nas duas mortes.

Publicidade

Ataque a creche em SC comoveu o país no mês passado

Assim que a informação sobre o crime foi divulgada causou comoção nas redes sociais. No começo do mês passado, na cidade de Saudades, em Santa Catarina, um rapaz de 18 anos invadiu uma creche armado com facão e matou cinco pessoas – três crianças e duas professoras. Dessa vez, professora e diretoras foram mortas por engano em um assalto.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!