in

Pai relata ‘pânico e emoção’ ao ter de realizar parto do próprio filho em casa: ‘Fiquei apavorado’

O pai falou sobre como foi o momento do parto e a emoção de ajudar o filho a nascer.

G1

Um jovem pai viveu momentos emocionantes com a chegada do seu filho. Wellington Martins, de 23 anos de idade, fez o parto do próprio filho em casa. A família é moradora da cidade de Pontalina, que fica localizada na região sul do estado de Goiás. A chegada do recém-nascido estava prevista para o mês de junho, porém o pequeno Noah acabou chegando antes da hora, com 38 semanas gestacionais.

Publicidade

O pai falou sobre como foi a experiência e da emoção do momento. “Eu fiquei apavorado, só tinha visto aquilo em filme, com ou sem experiência, eu tinha que fazer alguma coisa, ela estava sentindo muita dor. Foi muito emocionante e rápido”, contou o rapaz. Anna Larissa, de 25 anos, mãe do bebê, contou que começou a ter as contrações aproximadamente às 6h na última sexta-feira, 21 de maio.

As dores começaram a piorar cerca de 8h e foi quando teve que pedir ajuda. Ela contou que passou um filme em sua cabeça. Anna relatou que começou a sentir a cabecinha do filho e pediu que o marido segurasse. Ele ficou desesperado com a situação, mas puxou o pequeno e quando viram a criança já estava em cima da cama.

Publicidade

O pai do pequeno Noah explicou que quando viu que o filho havia nascido não conseguiu conter a emoção. Ele disse que não conseguiu segurar as lágrimas e chorou. Minutos após o nascimento da criança, o SAMU – Serviço de Atendimento Móvel de Emergência chegou ao local e os profissionais de saúde prestaram os primeiros-socorros e deram todo suporte necessário.

Publicidade

A mãe e o recém-nascido foram levados até o hospital do município para que o atendimento fosse finalizado. Ilma, uma das socorristas que atuou no atendimento, disse que se o pai não tivesse ajudado no nascimento, haveria muitos riscos para a mulher e a criança. Ela também celebrou o nascimento do pequeno e revelou um detalhe inusitado que marcou a ocorrência. Ela e o motorista da ambulância foram convidados para serem padrinho de Noah.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade