in

Último adeus a Bruno Covas: milhares choram nas ruas de SP em cortejo

Prefeito Bruno Covas, que morreu de câncer neste domingo, 16/5, foi homenageado na sede da Prefeitura de São Paulo e seguido pelo povo da capital.

CNN/Reprodução

A morte do prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), deixou a cidade de luto. Na tarde deste domingo, 16/5, os moradores da capital se uniram para chorar e se despedir de Covas, que tinha 41  anos de idade e faleceu em decorrência de complicações de um câncer no aparelho digestivo, descoberto em 2018. O prefeito deixou seu filho Tomás, de 15 anos de idade, familiares e eleitores que acompanharam sua trajetória política, semelhante ao de seu avô, Mário Covas.

Publicidade

O cortejo fúnebre de Bruno Covas percorreu as principais ruas da cidade de São Paulo, na região central. O caixão também passou pela conhecida Avenida Paulista, um dos cartões-postais de São Paulo. Bruno Covas será sepultado em um cemitério da cidade de Santos, litoral do estado. 

Corpo de Bruno Covas é seguido por milhares em seu cortejo fúnebre

O corpo do prefeito Bruno Covas chegou à sede da Prefeitura de São Paulo pouco depois das 13h e foi velado no 3º andar do prédio. A cerimônia foi fechada para parentes e amigos mais próximos, celebrada por padres católicos.

Publicidade

O velório de Bruno Covas chegou a ser transmitido pela televisão. Canais como a TV Globo pararam a programação para mostrar momentos da cerimônia.

Publicidade

Nas ruas de São Paulo, o cortejo aconteceu com o auxílio do Corpo de Bombeiros, que levou o caixão e protegeu o corpo do prefeito da cidade.

Publicidade

Bruno Covas teve estado irreversível declarado pelos médicos na sexta-feira, 14/5. Logo após, ele foi sedado e tomou medicamentos para reduzir a dor. Não havia possibilidade de saída terapêutica, segundo seus médicos.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Tadeu Goulart

Assuntos chocantes, novidades da televisão, famosos e política: tudo você encontra aqui.