in

Caso Gael: corpo do menino é levado de SP após pedido da família paterna

Enterro de garoto de 3 anos será na cidade de Prata, no estado da Paraíba.

Reprodução Record TV

O corpo de Gael de Freitas Nunes, de 3 anos, não será enterrado em São Paulo. A família paterna do garoto morto em apartamento do bairro Bela Vista, região central da maior cidade do país, faria a transferência do corpo para a cidade de Prata, na Paraíba, nesta quarta-feira (12).

Publicidade

Gael morreu na segunda-feira e a mãe é a principal suspeita. O menino morava no apartamento junto com a mãe, a irmã de 13 anos e a tia-avó. Na manhã de segunda, Gael teria sido agredido por Andréia Freitas na cozinha do apartamento.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi chamado para socorrer o garoto, chegou a levá-lo para a Santa Casa, mas Gael não resistiu. O crime tem chocado o Brasil pois acontece em um momento de muitos crimes contra crianças. As mortes de Henry Borel e de Ketelen Vitória repercutiram em todo o país.

Publicidade

Gael vai ser enterrado na cidade da avó

A família paterna do menino pediu que o corpo fosse levado para o município de Prata, onde mora a avó de Gael. Em entrevista à Record TV, o pai afirmou para o jornalista Reinaldo Gottino que o filho era o que o segurava em São Paulo. O homem é paraibano.

Publicidade

Os detalhes sobre velório e corpo de Gael não foram revelados pela família. Andréia Freitas está presa. Após prestar depoimento na Delegacia de Defesa da Mulher, no Cambuci, em São Paulo, ela foi transferida para o 99º DP do Morumbi. Ontem, Andréia foi encaminhada para o presídio feminino de Tremembé, local que tem presas de crimes que repercutiram em todo o país, como Suzane von Richthofen e Anna Carolina Jatobá.

Publicidade

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!