in

Suspeita da morte do filho, mãe de Gael diz não se lembrar da morte do menino, de 3 anos

A criança chegou ao hospital com vida, porém não conseguiu resistir aos ferimentos.

UOL

Nesta semana, um caso chocante deixou o Brasil perplexo. Trata-se da morte do menino Gael de Freitas Nunes, de apenas três anos de idade, na última segunda-feira (10/05). A criança foi encontrada caída no chão da cozinha pela tia-avó, que prestou depoimento.

Publicidade

De acordo com um laudo pericial, Gael apresentava ferimentos que a polícia acredita ser do anel da mãe da vítima, identificada pelo nome de Andréia. Segundo a tia-avó da criança, a genitora teria problemas psiquiátricos e fora internada quatro vezes.

Gael, que morava na Bela Vista, na região central de São Paulo, foi levado para uma unidade local, ainda com sinais vitais, porém não conseguiu resistir aos ferimentos. A morte do menino está sendo investigada.

Publicidade

Andréia foi presa sob suspeita de ter provocado a morte do filho. A mulher se manifestou através de seu advogado de defesa nesta terça-feira (11/05), e disse que não se lembra da morte da criança, que havia passado o fim de semana com o pai.

Publicidade

Segundo a defesa de Andréia, ela tem transtornos provocados por traumas devido a uma relação abusiva com o pai da filha mais velha. Ainda de acordo com o advogado, sua cliente parou de trabalhar há muito tempo por conta do problema psiquiátrico que desenvolveu.

Publicidade

Andréia relatou que se lembra de estar deitada com Gael e sua filha mais velha quando sentiu seu corpo quente. Ela teria ido tomar banho, dormido e acordado apenas no momento em que várias pessoas a tiravam do chuveiro.

As circunstâncias que levaram à morte da vítima continua sendo investigadas e novas informações acerca do caso podem ser divulgadas a qualquer momento.

Publicidade

Escrito por Aurilane Alves

Escrevo sobre os assuntos mais bombados do momento, famosos, curiosidades, notícias em geral.