in

Bolsonaro diz que tem ‘bucho’ corroído pela Coca-Cola: ‘Me salvou da facada do Adélio’

Presidente também chamou Mandetta de canalha em live nesta quinta-feira (6).

Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro polemizou em mais uma de suas lives na noite desta quinta-feira (6). Bolsonaro criticou o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta, que deixou o cargo em abril do ano passado, no início da pandemia do coronavírus.

Publicidade

Mandetta e Bolsonaro se desentenderam, entre outros assuntos, em relação ao uso da cloroquina – científicamente ineficaz contra a doença. O presidente é defensor do medicamento desde o começo da pandemia. Mandetta era contra. Na live, Bolsonaro deu uma indireta ao ex-ministro e pediu quem não tem alternativa à cloroquina deixa de ser canalha e de criticar quem usa algum medicamento.

Bolsonaro também citou problema no estômago. “Quando tenho problema de estômago, alguém sabe o que eu tomo? Tomo coca-cola e fico ´bão´, é problema meu. O bucho é meu, talvez o meu bucho, todo corroído pela coca-cola, me salvou da facada do Adélio”, afirmou o presidente da República.

Publicidade

Bolsonaro disse novamente que quem critica os medicamentos que ele recomenda, como cloroquina e ivermectina, mas não apresenta uma alternativa, é canalha. Desde o começo da pandemia, Bolsonaro mantém o discurso de defender estes medicamentos e de criticar o isolamento social adotado por prefeitos e governadores.

Publicidade

Bolsonaro é alvo de CPI

A CPI da pandemia já ouviu os ex-ministros da Saúde Henrique Mandetta e Nelso Teich. O atual ministro Marcelo Queiroga também foi interrogado na CPI que tem como relator o senador Renan Calheiros (MDB-AL). O objetivo da CPI é apurar as ações e omissões do governo federal durante a pandemia do coronavírus.

Publicidade

Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!