in

Caso Henry Borel – novas mensagens da babá são reveladas e impactam: ‘Chorando sei que tá vivo, pelo menos’

As investigações comprovaram que a babá não contou aos policiais tudo o que sabia.

G1

O caso Henry Borel tem tido desfechos impactantes, principalmente pelo envolvimento da mãe no crime. O delegado responsável pelas investigações da morte do menino Henry Borel decidiu fazer a abertura de outro inquérito para poder averiguar o crime de falso testemunho. A babá da vítima, Thayná de Oliveira Ferreira, teria cometido um crime e a apuração dos fatos comprovou que ela não contou tudo que sabia aos investigadores.

Publicidade

O delegado disse que o inquérito sobre o crime de falso testemunho já foi instaurado. Contudo, vale ressaltar que, durante a oitiva da babá, ela demonstrou que temia pela sua integridade física. A investigação teve acesso a novas mensagens do telefone da babá. Quase um mês antes do crime que tirou a vida do pequeno Henry Borel, Thayná conversou com o seu namorado sobre o menino, em um aplicativo de mensagem instantânea.

Na troca de mensagens entre o namorado e a babá de Henry Borel, ela disse que preferia escutar o garoto chorando do que não ouvir nada e ressaltou: “Chorando sei que tá vivo, pelo menos”. No diálogo, ela deixa claro estar desnorteada e não saber o que pode ser pior, se é a criança chorando ou o silêncio dentro do quarto com Jairinho, o padrasto do menino e o acusado de ter matado o garoto.

Publicidade

Publicidade

Em uma outra conversa da babá, ela conta ao pai dela que está escondida dentro do carro com o garoto e fala sobre Jairinho. A conversa ocorreu no dia 12 de fevereiro depois da mãe do menino ter chegado do salão de beleza. “Tô escondida no carro com o menino, Monique lá em cima. O menino me agarrou demais, me enforcou, rasgou minha blusa, quando viu o outro”, escreveu Thayná.

Publicidade

A babá contou ainda nas mensagens que Jairinho deu dinheiro para que ela não falasse nada sobre o assunto. Segundo informação dos agentes, Monique Medeiros, a mãe de Henry, coagiu a babá e pediu que mentisse e ainda apagasse as mensagens do seu celular.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Shyrlene Souza

Redatora na web desde 2016, formada em ciências contábeis, apaixonada pela redação desde criança. Escrevo sobre assuntos diversos, famosos, maternidade e notícias que se destacam no Brasil e no mundo.