in

Incêndio atinge ala de Covid-19 em hospital na Índia; enfermeiros e pacientes morrem; causa do fogo é revelada

No final do mês passado, outro incêndio provocou a morte de 12 pessoas no país.

G1

Vivenciando um verdadeiro colapso no sistema de saúde e no serviço funerário por conta do agravamento da Covid-19, a Índia vem sendo palco de diversas tragédias nos últimos dias. O episódio desolador mais recente ocorreu na noite desta nesta sexta-feira (30), em um hospital da cidade Bharuch.

Publicidade

A unidade que atende pacientes em tratamento de infecção provocada pelo coronavírus foi palco de um incêndio de grandes proporções. Ao menos 18 pessoas morreram em decorrência do incidente, sendo que dois eram profissionais de saúde que trabalhavam na unidade, atuando na linha de frente no combate à Covid-19.

De acordo com informações do superintendente de Polícia de Bharuch, R.V Chudasama, 12 vítimas fatais do trágico incidente morreram em decorrência do fogo e da fumaça provocada no prédio. 

Publicidade

Causa

Ainda segundo Chudasama, as investigações iniciais dão conta que o fogo foi proporcionado por conta de um curto-circuito, gerando chamas e se espalhando pela unidade de saúde. 

Publicidade

Veículos da imprensa local exibiram imagens com o setor onde o foco do incêndio se fez presente, totalmente destruído. 

Publicidade

“Houve muito caso por causa da escala do fogo. A equipe hospitalar tirou meus familiares da ala e nós os levamos de carro a um outro hospital”, afirmou Parth Gandhi, que conta com dois parentes internados na unidade. Ambos conseguiram escapar do incêndio ilesos.

Em nota publicada nas redes sociais, o primeiro-ministro Narendra Modi lamentou o ocorrido e se solidarizou com os familiares das vítimas. 

No dia 23 do mês passado, 12 pessoas morreram em um outro hospital da Índia que era utilizado no tratamento de pacientes com Covid-19. 

Dia após dia, a Índia vem registrando um aumento exponencial no número de novos infectados pela Covid-19. Na escala global, o país é que apresenta o cenário mais preocupante, principalmente por se tratar de uma das nações com o maior número de habitantes. 

Publicidade