in

Caso Henry: diário de Monique Medeiros é revelado e frase sobre gravidez impacta

Monique Medeiros permanece em isolamento tratando uma infecção provocada pelo coronavírus.

R7

As investigações do caso de morte do menino Henry Borel de Almeida, de 4 anos, devem ser concluídas nas próximas horas. Depois de semanas de incessantes apurações e resultados de laudos, a Polícia Civil espera encaminhar toda a documentação para o Ministério Público do Rio para que o processo tenha sequência, culminando no julgamento dos envolvidos. 

Publicidade

Responsáveis pela defesa da mãe de Henry, os advogados Hugo Novais, Thiago Minagé e Thaise Assad estão buscando traçar um perfil de mãe amorosa para Monique Medeiros da Costa e Silva de Almeida. O intuito dos advogados desde o início da representação é dissociar a professora do vereador e médico Dr. Jairinho.

De acordo com informações do jornal “O Dia”, os defensores de Monique analisam um diário que teria sido escrito por Monique dias após a morte de Henry Borel.

Publicidade

Em um dos trechos que os pais de Monique entregaram aos advogados, a professora cita que a gravidez de Henry foi desejada, e classificou como um “momento de grande alegria”.

Publicidade

Contraste

Esta afirmação feita por Monique de que a gravidez de Henry foi desejada e bem recebida pela professora é totalmente o oposto do que o pai do menino, o engenheiro Leniel Borel, chegou a afirmar em entrevistas após a morte do filho.

Publicidade

Segundo ele, a ex-esposa levou um grande susto ao tomar conhecimento de que estava grávida, e chegou a lamentar sobre as mudanças no seu corpo, uma vez que na época tinha feito lipoaspiração meses antes. Leniel ainda afirmou que a gestação de Henry foi bastante complicada, e por isso Monique chegou a afirmar que não queria outra gravidez.

Coação

Ainda no diário escrito, Monique se diz vítima de coação do parlamentar Jairinho. Contudo, os investigadores classificam que a professora foi quem coagiu testemunhas na combinação de depoimentos que iriam favorecer o casal. A defesa de Monique segue insistindo para que ela deponha novamente.

Publicidade
Publicidade
Publicidade