in

Grávida, que passou por cesariana de emergência, morre de Covid-19 aos 23 anos

Maria Laura Prucoli, estava internada com Covid no Hospital de Saracuruna.

G1

Morreu no último domingo (18) Maria Laura Prucoli, de 23 anos, devido às complicações da Covid-19. Maria estava internada com Covid no Hospital de Saracuruna, em Duque de Caxias. Familiares culparam o hospital pela morte de Maria.

Publicidade

Maria Amabile Prucoli, tia da vítima, relatou que a unidade médica não tinha remédio. “Eles negaram que estivesse faltando remédio, mas nós sabíamos que estava sem. Foi importante ter denunciado porque, só depois disso, chegou o remédio”, disse a tia da jovem.

A filha da vítima com apenas 15 dias de vida também está com coronavírus conforme a tia da jovem mencionou. “A Lavínia teve febre na sexta-feira (16) e teve que ser hospitalizada. Também está com Covid. Pelo menos está bem, estável, mas deve ficar ainda 10 dias no hospital sendo acompanhada”, disse a tia.

Publicidade

Laura foi internada no Hospital de Saracuruna, no dia 29 de março após apresentar sintomas da Covid. Porém, no dia 3 de abril, ela passou mal e os médicos decidiram fazer uma cesariana de emergência e tentar salvar mãe e bebê. A filha de Laura, Lavínia Prucoli dos Santos nasceu saudável e teve alta hospitalar e foi liberada para ser cuidada pela família.

Publicidade

Porém, após o parto de emergência, Laura piorou e teve que ser intubada. Mas devido ao seu estado de saúde ser bem delicado, ela acabou morrendo no domingo (18). Laura foi enterrada ainda no domingo na cidade de Santo Aleixo, em Magé, onde moram seus familiares.

Publicidade

Foi só o meu irmão, se despedir da filha de 23 anos, o marido da Maria Laura, que é um menino que está desesperado, e meu filho”, lamenta a tia.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Francisco Nunes

Barbeiro profissional.