in

Caso Henry: Leniel conta que Monique instalou câmera no quarto do filho e diz o que foi filmado

Pai de Henry deu entrevista ao RJ1, da TV Globo, e falou sobre a câmera no quarto de Henry.

Reprodução Globo / Reprodução Record TV

Leniel Borel de Almeida, pai do garoto Henry Borel, morto na madrugada do dia 8 de março, deu entrevista ao RJ 1, exibido pela Globo para o Rio de Janeiro, nesta sexta-feira (16). A Polícia Civil do Rio de Janeiro segue investigando a morte do menino de apenas quatro anos.

Publicidade

Monique Medeiros, mãe da criança, e Jairo Souza Santos Júnior, o vereador Dr. Jairinho, padrasto, estão presos desde a semana passada acusados de atrapalhar as investigações. O delegado Henrique Damasceno, da 16ª DP, acredita que Jairinho tirou a vida de Henry com a anuência de Monique.

O inquérito deve ser finalizado na próxima semana, após todas as testemunhas serem ouvidas. A defesa de Monique Medeiros pede que ela seja ouvida novamente. Até o começo da semana, Monique era defendida pelo mesmo advogado de Jairinho. André França Barreto deixou a defesa do vereador após a saída da mãe de Henry alegando conflito de interesse.

Publicidade

Pai de Henry fala sobre câmera no quarto do menino

Leniel contou ao repórter Diego Haidar que Monique instalou uma câmera no quarto de Henry. “Ela falou que tinha colocado câmera e a câmera não mostrava nada. Eu pressupus que a câmera era essa. Eu não tinha acesso, quem tinha acesso era ela”, disse ele.

Publicidade

Ou seja, de acordo com o relato do pai, não teriam sido encontradas imagens de agressão a Henry. De acordo com a polícia, o menino teria sido agredido no dia 12 de fevereiro. Monique não estava em casa e Jairinho se trancou com Henry no quarto do casal no apartamento localizado na Barra da Tijuca. O menino deixou o quarto mancando e reclamou de dor na cabeça.

Publicidade

Segundo depoimento da cabeleireira que atendeu Monique neste mesmo dia, ela perguntou se havia nas proximidades uma loja que vendesse equipamentos eletrônicos. Ela tinha interesse em comprar uma câmera. O aparelho foi apreendido por policiais. No dia 29 de março, policiais encontraram uma câmera no apartamento, mas estava ainda dentro da caixa.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!