in

Jornal Nacional exibe imagens inéditas de Monique no salão de beleza no dia em que Henry foi agredido

A cabeleireira do salão de beleza prestou depoimento para a polícia nessa quinta-feira

Reprodução/Globo

O Jornal Nacional desta quinta-feira (15/04) revelou com exclusividade imagens de Monique Medeiros no salão de beleza em que estava no exato momento em que recebia as informações da babá Thainá de que seu filho Henry acabara de ser agredido pelo padrasto, o vereador do Rio de Janeiro, Dr. Jairinho. 

Publicidade

As imagens foram obtidas pela polícia na investigação da morte do garoto ao mesmo tempo em que duas novas testemunhas deram seus depoimentos. Uma das funcionárias do salão contou à polícia que viu a pedagoga conversando com a criança por uma videochamada. 

Monique Medeiros chegou no salão, que fica num shopping na Barra da Tijuca, no final da tarde do dia 12 de fevereiro. Ela já chegou ao local com o celular na mão e digitando, até sentar em uma cadeira e receber a videochamada do filho. 

Publicidade

A cabeleireira que atendeu Monique contou os detalhes que conseguiu ouvir da conversa entre mãe e filho. Ela se lembrou do momento em que o garoto perguntou para a mãe se ele atrapalhava a vida dela. ‘O tio disse que te atrapalho‘, teria dito a criança. Monique respondeu para o filho que ele não atrapalhava de forma alguma. 

Publicidade

A testemunha ainda afirma que o garoto estava chorando e que pediu para a mãe ir pra casa porquê o ‘o tio bateu’ ou ‘o tio brigou’, a cabeleireira diz que não se lembra ao certo qual das duas expressões foi usada por Henry. 

Publicidade

Após desligar a videochamada, Monique teria ligado para Jairinho dizendo de forma exaltada: ‘Você nunca mais fale que meu filho me atrapalha‘. Em referência a babá, Monique gritou com o namorado dizendo que se ele mandasse ela embora ela iria junto. 

Publicidade
Publicidade

Escrito por Jean Marangoni

Influenciador digital responsável pelas páginas 'Mussum Sinceris' nas redes sociais, trabalho também com jornalismo online há 3 anos. Para sugestões entre em contato: jeanmarangoni@gmail.com