in

Caso Henry: nova descoberta mostra pesquisa de Monique logo depois do enterro: ‘Isso não é mãe’

Monique Medeiros parecia não estar muito preocupada com a morte do filho de quatro anos.

Arquivo pessoal Monique Medeiros

A cada dia uma nova descoberta sobre a morte do garoto Henry Borel, de quatro anos, chama a atenção de todos. A mãe dele, Monique Medeiros, e o padrasto, Jairo Souza Santos Júnior, o vereador Dr. Jairinho, estão presos. De acordo com a Polícia Civil, eles estavam atrapalhando as investigações.

Publicidade

O delegado Henrique Damasceno, responsável pela investigação do caso, acredita que Henry tenha sido morto por Jairinho com a anuência de Monique. O casal e o menino morava em um apartamento na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro.

Foi neste apartamento que Henry foi encontrado caído à beira da cama, de acordo com depoimento da mãe. O menino foi levado pela mãe e pelo padrasto ao Hospital, mas já chegou morto ao Barra D’Or. Laudo do Instituto Médico Legal (IML) apontou a causa da morte: laceração no fígado e hemorragia interna.

Publicidade

Publicidade

Mãe fez buscas na internet horas depois da morte do filho

De acordo com o jornalista Reinaldo Gottino, da Record TV, a Polícia Civil do Rio descobriu que Monique procurou por curso de inglês e curso de culinária horas depois da morte do filho. A decisão de procurar pelos cursos está repercutindo.

Publicidade

“Cada vez mais monstruosa essa mulher. Gottino, eu posso falar, eu perdi minha filha, eu só pensava onde falhei, o que poderia ter feito, o que o hospital errou, chorava, pedia minha filha de volta. Não fui pra salão, nem procurei curso. Que isso”, escreveu uma mãe no vídeo postado pelo jornalista. “Cada dia pior a situação dessa lazarenta! Chamar essa de mãe ofende todas as mães reais. Isso não é mãe”, escreveu mais uma pessoa.

Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!