in

Pai de Henry conta porque casamento com Monique chegou ao fim e assume que pode ter errado com a ex-mulher

Em entrevista ao portal Extra, Leniel Borel detalhou casamento que durou 10 anos.

REDE GLOBO

Após prisão de Monique Medeiros e do vereador Jairinho por atrapalhar as investigações da morte do menino Henry, Leniel Borel, pai do menino, concedeu entrevista ao portal Extra e abriu o coração a respeito de seu casamento com a mãe da criança. Leniel contou porque a relação de 10 anos chegou ao fim e deu maiores detalhes de como tudo teria acontecido.

Publicidade

Em meio a inúmeras perguntas feitas na entrevista do Extra, Leniel foi questionado pelo motivo de o casamento com Monique ter acabado e não se esquivou de responder o questionamento. Segundo ele, o casal começou a se distanciar por conta de trabalho, entre outros motivos relatados por ele que foram desgastando a relação.

“Monique não gosta de ficar em casa. Sempre foi muito consumista, gastava muito. Também era muito ligada à beleza, ao corpo. Só vestia roupas de grife. Gosta de joias. Era preocupada em ter as coisas”, disse Leniel ao relatar como o casamento com Monique foi se desgastando com o passar dos anos.

Publicidade

Ao abrir o coração, o pai de Henry assumiu que pode ter errado com a ex-mulher por não ter conseguindo colocar um freio no consumismo de Monique e sempre ter feito de tudo para agradar à mãe de seu filho, ainda assim sem sucesso.

Publicidade

Em outro trecho da entrevista, Leniel chegou a dizer que teria dado carro e cartão de crédito para Monique enquanto eram casados, mas que a ex-mulher sempre quis muito mais. “Não foi o suficiente”, desabafou o pai do menino Henry, que disse ter conhecido Monique durante um curso que fizeram juntos em 2011.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade