in

Caso Henry: advogado conta por que mãe não revelou as mensagens da babá sobre agressões; justificativa impacta

Monique Medeiros e Dr. Jairinho foram detidos na última quinta-feira (08), quando o caso completou exatamente um mês.

REPRODUÇÃO RECORD TV / ARQUIVO PESSOAL MONIQUE MEDEIROS

Responsável pela defesa do casal Monique Medeiros e Dr. Jairinho, suspeitos na morte do menino Henry Borel, de 4 anos, o advogado André França Barreto esteve com os clientes nas respectivas unidades prisionais em que eles estão detidos neste final de semana.

Publicidade

Em entrevista à CNN, Barreto afirmou que Monique lhe contou que não relatou à polícia a troca de mensagens que teve com a babá de Henry por “não achar pertinente”. As conversas recuperadas entre a professora e a jovem Thayná de Oliveira, de 25 anos, foram preponderantes para comprovar que o menino de 4 anos vinha sendo alvo de uma rotina de violência feita pelo parlamentar. 

Nos prints revelados das conversas, Thayná aparece no dia 12 de fevereiro, narrando em tempo real que Jairinho estava trancado com Henry no quarto do casal, e que depois o menino apareceu com hematomas. No último domingo (11), o programa “Fantástico”, da TV Globo, revelou que o garoto foi levado ao Hospital Barra D´Or, um dia depois destas denúncias da babá à mãe. 

Publicidade

O advogado André Franca Barreto disse que esteve com Monique no Instituto Penal Ismael Siriero, em Niterói neste domingo (11), e questionou a cliente sobre as conversas reveladas pelos investigadores. 

Publicidade

“Hoje, eu estive no presídio e indaguei a Monique a respeito. ‘Monique, tem um assunto aqui sobre mensagens. Que história é… o que são essas mensagens?’ Ela me responde: ‘André, nem falei nada porque nem achei que era pertinente, qualquer relação'”, disse o advogado à CNN. 

Publicidade

Transferida

Horas após receber a visita do advogado, Monique Medeiros teve um quadro de fortes dores, sendo levada para o Hospital Penitenciário Dr. Hamilton Agostinho de Castro, no Complexo Penitenciário de Gericinó. No local, a mãe de Henry foi diagnosticada com um quadro de infecção urinária e ficará internada ao menos por três dias. 

Publicidade
Publicidade