in

Pai de Henry faz revelação sobre motivo pelo qual Monique estaria defendendo Jairinho

Em entrevista ao Extra, Leniel Borel falou sobre relacionamento com a mãe de seu filho.

EXTRA

A morte do menino Henry Borel, de 4 anos, continua repercutindo e comovendo o Brasil. Em entrevista recente ao Extra, Leniel Borel, pai da criança, falou sobre sua antiga relação com Monique Medeiros e respondeu a respeito do motivo que teria levado a ex-mulher a defender o vereador Jairinho após morte do filho.

Publicidade

Ao falar sobre a personalidade de Monique, Leniel relatou que a ex-mulher sempre teve uma postura narcisista e que sempre quis ficar em primeiro plano, deixando Henry muitas vezes de lado até mesmo em fotografias tiradas junto da criança.

“Ela sempre aparece na frente, Henry atrás. Eu, quando aparecia com ela, só ficava em último plano. Em dez anos de casamento, era sempre ela na frente e todo o resto para trás”, contou o pai do menino Henry.

Publicidade

Em dado momento da entrevista, Leniel foi questionado sobre o que teria levado Monique a ficar à favor de Jairinho e agir em sua defesa mesmo diante da morte do filho. Para o pai de Henry não restam dúvidas de que a ex-mulher foi movida pela ganância, conforme respondeu ao questionamento.

Publicidade

“Monique queria muito mais”, firmou Leniel, dizendo que a ex-mulher sempre gostou de ter uma vida luxuosa e que havia trocado a casa simples em Bangu, no Rio de Janeiro, para viver em um bairro de luxo com Jairinho por pura ganância.

Publicidade

Enquanto casado com Monique, Leniel relatou que deu carro e cartão de crédito para a mãe de seu filho, mas que todos os esforços feitos por ele não teriam sido o suficiente diante do desejo da ex-mulher em querer sempre mais.

Publicidade
Publicidade
Publicidade