in

Estagiária de enfermagem de 24 anos, vítima da Covid-19, faz desabafo antes de morrer: ‘não peguei em rolezinho’

Jovem descobriu que o pai havia sido internado com Covid-19 momentos antes de ser intubada.

G1

Vítima fatal da Covid-19, a estagiária de enfermagem, Natália Rodrigues, de 24 anos, utilizou as redes sociais para publicar uma foto e fazer um desabafo pouco antes de morrer, no último sábado (27). Na publicação, a jovem alertou sobre os riscos da doença. 

Publicidade

Antes de ser intubada por conta de complicações da Covid-19, Natália legendou uma foto tirada na unidade com a seguinte mensagem: “Não peguei indo pra rolezinho, não”.

A paciente recebeu uma dose da vacina contra o coronavírus um dia antes de apresentar os primeiros sintomas da Covid-19, que se apresentaram de maneira leve. Vale lembrar que é preciso receber as duas doses do imunizante e aguardar que o corpo obtenha os anticorpos para combater a doença.

Publicidade

Em um primeiro instante, Natália chegou a confundir as dores no ouvido e a mudança de clima com sintomas da Covid-19. No dia 12 de março, a estagiária foi internada na Unidade Pré-Hospitalar de Sorocaba. E, antes de ser intubada, a jovem ainda apresentou uma melhora, mas acabou não resistindo na sequência. 

Publicidade

Desabafo

No texto comovente publicado nas redes sociais pouco antes de morrer, Natália falou do medo de sentir falta de ar, disse que não contraiu a doença em rolê, além de alertar para os riscos da Covid-19.

Publicidade

“Todos os dias eu rezo e peço para que não me falte ar, que eu não vá para a UTI, que eu não precise ser intubada”, disse a jovem.

A jovem de 24 anos não soube quando e como contraiu a Covid-19, mas desconfiava que teria sido em suas idas ao hospital para acompanhar o pai em baterias de exames.

Pai com Covid-19

Segundo os familiares, Natália era bem próxima aos pais. A jovem acompanhava o pai em consultas e exames nos hospitais durante os tratamentos de problemas renais.

No dia 15, pouco antes de ser intubada, Natália soube que o pai também havia contraído o coronavírus e tinha sido internado. A mãe dela foi infectada, mas não precisou de internação.

Publicidade
Publicidade