in

Dono de restaurante esconde clientes no vestiário para fugir de fiscais da Vigilância Sanitária

Para tentar evitar ser multado, o dono de um restaurante em Aracaju mandou todos os clientes se amontoar no vestiário dos funcionários.

Reprodução/ Secretaria de Saúde de Aracaju

Para tentar evitar tomar uma multa por estar recebendo mais pessoas do que o permitido em meio à pandemia do coronavírus, o dono de um restaurante achou uma boa ideia esconder os clientes no vestiário do estabelecimento para tentar enganar a fiscalização da Vigilância Sanitária. O caso aconteceu há uma semana em Aracaju, capital de Sergipe. As informações foram divulgadas pelo G1.

Publicidade

No entanto, como você já deve estar imaginando, a “brilhante ideia” do dono do estabelecimento acabou não sendo bem sucedida. Isso porque mesmo antes de entrar no restaurante, os fiscais já haviam percebido que o local estava com mais pessoas do que o permitido em meio à pandemia da Covid-19.

Mesmo assim, o dono do restaurante tentou ganhar tempo fechando as portas do estabelecimento para que os agentes não entrassem. Neste momento, ele chegou a mandar que os clientes entrassem no vestiário.

Publicidade

Sem revelar ao certo quantas pessoas estavam no local, a fiscal da Vigilância Sanitária Michelli Rios relatou que eles a sua equipe não desistiram e bateram na porta para que o dono abrisse, contudo, confessa que eles demoraram um pouco para subir as portas do restaurante. Para a surpresa deles, quando as portas reabriram não havia mais clientes no estabelecimento. Michelli conta ainda que, neste momento, eles começaram a procurar por todo o estabelecimento e acabaram encontrando todos os clientes “amontoados no vestiário dos funcionários”.

Publicidade

Diante disso, o dono do estabelecimento foi multado por desrespeitar o limite de 30% da capacidade máxima do restaurante, uma das medidas adotadas pelo governo sergipano para tentar conter o crescimento de infectados pela Covid-19 no estado.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade