in

Caso Henry: advogado faz insinuação contra o pai do garoto; ‘peritos apontam’

André França Barreto, advogado de Jairinho e Monique, deu entrevista à RecordTV.

Arquivo pessoal Monique Medeiros / Reprodução Globo

A Polícia Civil do Rio de Janeiro prossegue as investigações da morte do garoto Henry Borel, de quatro anos. O menino morreu na madrugada do dia 8 de março, após ser encontrado pela mãe, a professora Monique Medeiros, caído no quarto do apartamento onde moravam com Jairo Souza Santos, o vereador Dr. Jairinho, enteado de Henry.

Publicidade

O menino foi levado ao Hospital Barra D’Or, mas já chegou ao local sem vida. A morte de Henry tem causado comoção e gerado uma grande dúvida: o que aconteceu com o garoto? Laudo do Instituto Médico Legal (IML) apontou que ele sofreu laceração hepática e hemorragia interna.

De acordo com o laudo, ação contundente causou as lesões que o menino apresentava no momento em que foi atendido no hospital. Nas últimas semanas, a Polícia Civil ouviu cerca de 15 pessoas na 16ª DP da Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio de Janeiro, mesmo bairro onde fica o apartamento.

Publicidade

Advogado do casal fala com a RecordTV

André França Barreto tem dado entrevista a diversos canais de TV. Ele atua na defesa do casal Jairinho e Monique e crê na inocência deles. Em entrevista ao Domingo Espetacular, da RecordTV, o advogado fez uma insinuação contra o pai de Henry, Leniel Borel de Almeida.

Publicidade

O engenheiro havia passado o fim de semana com o filho e o devolveu à mãe na noite de domingo (7). Henry não queria ficar com a mãe e vomitou. “Peritos têm apontado que lesões hepáticas podem causar vômito”, afirmou o advogado, insinuando que as lesões podem ter ocorrido antes de o menino ser entregue para a mãe.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!