in

Mãe de Henry confessou ao ex que melhorou de vida após conhecer Jairo: ‘Estava sem dinheiro para nada’

Em conversas exclusivas obtidas pelo Fantástico, Monique Medeiros falou sobre o novo padrão de vida.

Rede Globo | Montagem Ingrid Machado

No último domingo (28), o programa Fantástico trouxe novas relações sobre o caso da morte do menino Henry Borel. O programa teve acesso às informações, conversas e depoimentos inéditos que envolvem a misteriosa morte do menino de apenas 4 anos. Uma ex namorada de Jairo Souza, padrasto de Henry, prestou depoimento à polícia na última semana.

Publicidade

A mulher, que não teve a identidade revelada, afirmou que o vereador sempre apresentou comportamento agressivo, e que já chegou a agredi-la por não aceitar o fim do relacionamento. Em contrapartida, o advogado de defesa André França, que patrocina Jairo e Monique Medeiros, mãe do menino, enviou três depoimentos em defesa do vereador.

Duas ex-namoradas e um dos três filhos de Jairo, escreveram um documento de próprio punho exaltando a idoneidade do vereador. A reportagem do Fantástico também revelou uma conversa entre Monique e Leniel Borel, pai de Henry, em que a professora falava com o ex sobre seu novo padrão de vida.

Publicidade

A namorada de Jairo, falou das melhorias das quais estaria usufruindo após se relacionar com o vereador. “Estava sem dinheiro para nada. Agora estou tendo a oportunidade de dar uma vida melhor a ele [Henry], de matricular ele numa escola boa e cara”, disse Monique.

Publicidade

Em resposta à ex, Leniel afirmou que todos estariam vivendo um momento de muita dificuldade. Em entrevista ao Fantástico, o engenheiro revelou que não acredita na hipótese de acidente, e que deseja sabem quem participou da morte do filho, os motivos e como tudo aconteceu.

Publicidade

Publicidade
Publicidade
Publicidade