in

Hospital troca corpos de pacientes com Covid-19 e família enterra pessoa errada; caso gera revolta: ‘absurdo’

Descoberta foi feita quando um dos filhos deu abertura no serviço funerário para sepultar o pai.

Portal da Tropical

Um hospital da rede particular de saúde de Natal, no Rio de Grande do Norte, acabou trocando os corpos de dois pacientes que foram vítimas fatais da Covid-19. Por conta do grave erro, uma das famílias chegou a sepultar a pessoa errada. O caso foi registrado na última terça-feira (23), e gerou uma grande revolta e desgaste emocional nos familiares envolvidos.

Publicidade

Quando estava preparando o serviço funerário de seu pai, o filho foi avisado de que o corpo de Gerde Luís Xavier Damasceno, de 63 anos, já havia sido liberado. 

A vítima passou duas semanas lutando contra um quadro de Covid-19 no Hospital do Coração, chegando a ser intubado, e não resistiu. A morte de Gerde foi a segunda perda dos familiares em curto espaço de tempo.

Publicidade

“Meu irmão morreu dia 18 de fevereiro. Estamos todos muito abalados ainda. E agora meu pai. É um absurdo que, no meio de todo esse sofrimento, a gente tenha que passar pelo constrangimento de não poder enterrar meu pai”, desabafou Gerdian Cabral, filho do idoso.

Publicidade

Drama

Quando a situação foi evidenciada, Gerdian disse que o hospital se responsabilizou pelo erro e tomou à frente para fazer a exumação do corpo da vítima e entregar o certo para os familiares, desfazendo a confusão. Contudo, o sentimento foi doloroso para as duas famílias, que em meio ao luto, tiveram que passar por esta situação delicada.

Publicidade

Em nota divulgada, o Hospital do Coração se pronunciou e lamentou o ocorrido. A unidade hospitalar disse que os dois pacientes morreram na madrugada da terça-feira (23), e justificou que o filho de um dos pacientes fez o reconhecimento.

O hospital classificou o fato como uma “ocorrência constrangedora e inaceitável”. A outra família envolvida no caso não quis se pronunciar.

Publicidade
Publicidade
Publicidade