in

Bolsonaro é psicopata? Debate ganhou força após entrevista de psiquiatras: ‘Até quem apoia sabe quem ele é’

Presidente virou alvo de debate após um especialista conceder entrevista e falar em psicopatia.

Globo

Guido Palomba é um psiquiatra forense, no currículo consta sua passagem como ex-presidente da Academia de Medicina de São Paulo, ele causou um debate que foi parar nas redes sociais após conceder entrevista no último dia 18.

Publicidade

Guido disse que psicopatas são pessoas agressivas, mal-educadas, vaidosas e provocadoras, segundo ele, características que podem ser vistas na pessoa de Bolsonaro. Ele lembra ainda a falta de empatia com o sentimento alheio, quando, por exemplo, questionado sobre as mortes emitiu falas do tipo: ‘não sou coveiro’, ‘mimimi’, ‘vão chorar até quando’, esta última, considerando que o cenário das mortes não estão ‘no passado’, já que, dia após dia, mais brasileiros perdem seus familiares para a Covid-19.

O diagnóstico dito em entrevista por Palomba, rapidamente foi parar nos assuntos mais comentados do Twitter.

Publicidade

Para outros colegas de profissão, a opinião de que Bolsonaro seria um psicopata não é unânime. Para Tófoli, que psiquiatra e professor da Unicamp, a ótica apontada por Palomba pode ser até ‘leviana’ se for considerado apenas os aspectos que ele menciona para apontar Bolsonaro como possível psicopata.

Publicidade

“Praticamente todo mundo sabe que Bolsonaro age de forma vil. Até quem apoia o Bolsonaro sabe quem ele é. Não precisamos que alguém diga que ele é psicopata. O que a gente precisa é entender por que o país aceita uma pessoa assim no poder”, disse Tófoli.

Publicidade

Tófoli ainda disse que se quiserem usar esse argumento como ferramenta jurídica para impedimento do presidente, ele não teria qualquer validade, já que no país, não existe um dispositivo legal que possa impedir um mandato presidencial com base neste tipo de situação.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Evandro

O mundo do entretenimento é a minha vida.