in

Senador Major Olímpio tem morte cerebral confirmada aos 58 anos; Ele estava na UTI com Covid-19

Morte foi confirmada pelas redes sociais oficial do senador eleito por São Paulo em 2018.

Divulgação: Senado Federal

O senador Major Olímpio (PSL-SP) morreu nesta quinta-feira (18). Ele estava internado em hospital de São Paulo após ser diagnosticado com Covid-19. A doença causada pelo coronavírus debilitou o político e ele foi entubado e internado na unidade de terapia intensiva (UTI).

Publicidade

O quadro de saúde de Major Olímpio era atualizado pela assessoria do senador via redes sociais. Na tarde desta quinta, o perfil informou o falecimento do senador. “Com muita dor no coração, comunicamos a morte cerebral do grande pai, irmão e amigo, Senador Major Olímpio”, escreveu.

De acordo com a lei, a família deve aguardar 12 horas para confirmar o óbito. A família também está verificando quais órgãos do senador serão doados. No Twitter, muitos internautas estão repercutindo a morte do político.

Publicidade

“Meu Deus! Fiquei muito triste com a notícia. O Brasil perde um grande homem. Que Deus conforte o coração de toda a família nesse momento difícil”, escreveu um internauta. “Que Deus o receba e conforte a família. O Brasil perdeu um grande guerreiro, que foi injustiçado por ser honesto e verdadeiro, que tinha um coração de ouro. Descanse em paz, meu amigo”, postou a deputada federal Joice Hasselmann.

Publicidade

Major Olímpio foi o senador mais votado do estado de São Paulo nas eleições de 2018. Ele venceu a disputa por uma das cadeiras do estado no senado na esteira do presidente Jair Bolsonaro. Meses após as eleições, Major Olímpio tornou-se crítico de atitudes tomadas pelo presidente da República. Ainda não foram divulgadas informações sobre velório e enterro do senador.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!