in

A vacinação de mulheres grávidas contra a Covid-19 pode imunizar os bebês

Um novo estudo realizado em Israel sugere que imunizar as mães poderá ser benéfico aos bebês.

Foto:Hannah Beier/REUTERS

De acordo com um estudo que foi desenvolvido em Israel, a vacinação de mulheres grávidas pode ser benéfica para os bebês. Isso porque a mãe vacinada pode passar a imunidade para o bebê.

Publicidade

A pesquisa científica ocorreu no mês de fevereiro de 2021 e de acordo com os dados obtidos foram detectados anticorpos em todas a mulheres grávidas vacinadas com a vacina da Pfizer/BioNtech. Os anticorpos também detectados em todos os recém-nascidos das mulheres imunizadas, a transmissão ocorreu através de transferência placentária.

Cerca de 20 mulheres que estavam no terceiro trimestre de gravidez participaram das pesquisas. A pesquisa foi conduzida pelos pesquisadores do Centro Médico da Universidade de Hadassah, localizada em Jerusalém. Os resultados do estudo foram publicados neste mês, de março, no medRxiv (serviço de distribuição online de manuscritos de pesquisas ainda não publicadas e que não passaram pela revisão por pares).

Publicidade

Apesar da notícia, os pesquisadores destacaram que o tamanho do estudo realizado foi pequeno. Ainda afirmaram que para seria necessário uma série de pesquisas adicionais para medir o efeito da vacinação em mulheres em diferentes momentos da gravidez. Dana Wolf, uma das pesquisadoras envolvidas, afirmou que agora irão realizar outro estudo, o foco será em quanto tempo os anticorpos transmitidos pelas mães permanecerão nos corpos dos bebês.

Publicidade

A fabricante de vacinas Pfizer já havia informado anteriormente que teria interesse em realizar pesquisas dos efeitos das vacinações e mulheres grávidas.  E no mês passado divulgou que iniciou uma pesquisa internacional com cerca de 4 mil voluntárias.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade