in

Idosa é procurada para vacinação e polícia acredita que ela estava morta em casa há 12 anos

O marido da idosa mentiu, dizendo que ela havia viajado para o exterior, mas seu corpo foi encontrado em casa.

Uol

Um caso muito misterioso deixou todos os moradores de uma pequena cidade, Aberdeen que fica na Escócia, muito intrigados. Tudo começou quando a vacinação contra a Covid-19 começou a ser aplicada na população idosa como sendo prioritária na imunização. Ao contrário do Brasil, onde as pessoas estão indo aos postos de vacinação, as autoridades de saúde da Escócia estão indo na casa de alguns idosos para aplicar a vacina.

Publicidade

Idosa é encontrada morta dentro de casa

Christina Malley, era uma mulher idosa, na faixa dos 80 anos de idade e morava na cidade há alguns anos com seu marido, segundo os dados que constavam nos arquivos de moradores da cidade. Como ela não tinha aparecido no posto para receber as doses da vacina, as enfermeiras foram até sua casa para aplicar o imunizante.

Mas, ao chegarem na casa, receberam a informação do marido da idosa, Daniel, que ela tinha feito uma viagem para o exterior e por isso não estava em casa. As enfermeiras ficaram intrigadas e horas depois o corpo de Christina foi encontrado pelas autoridades policiais. 

Publicidade

Idosa teria morrido há 12 anos

A polícia foi chamada para averiguar a situação e encontrou o corpo da idosa. Segundo os policiais, há indícios de que a idosa já estivesse morta há 12 anos. Os policiais não deram muitos detalhes sobre o caso e ainda está sendo investigado se houve algum crime.

Publicidade

Os vizinhos do idoso disseram que não sabiam que Daniel possuía uma esposa, pois nunca tinham visto a idosa na casa, ou mesmo alguma coisa que indicasse que uma mulher morava no local. Os vizinhos também ficaram assustados com o fato de um corpo estar na casa por tanto tempo sem dar nenhum tipo de cheiro ruim, mesmo moscas e bichos.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Tatiane Braz

Estudante, escritora e apaixonada pela verdade, tenho como meta levar a notícia de forma clara e real. Amo ler e percebo a cada dia que um mundo melhor se faz quando o conhecimento que adquirimos é colocado em prática.