in

Auxílio emergencial: como efetuar a atualização no aplicativo Caixa Tem para continuar recebendo o benefício

Proposta para retorno do benefício já foi aprovada no Senado e está sendo votada na Câmara nesta semana.

Agência Brasil

A nova rodada de pagamentos do Auxílio Emergencial está bem próxima de ser oficializada. Após a votação ser aprovada no Senado, a proposta para o retorno do programa está sendo analisada na Câmara dos Deputados, e o resultado deve sair ainda nesta semana. 

Publicidade

Enquanto os últimos trâmites acerca dos moldes e cronograma dos pagamentos são definidos pelo governo e parlamentares, a Caixa Econômica Federal (CEF) divulgou nesta quinta-feira (11), um calendário para a atualização dos dados cadastrais dos beneficiários no aplicativo Caixa Tem para esta nova fase do programa.

Segundo o banco estatal, o objetivo é oferecer ‘mais segurança e praticidade aos clientes’. No ano passado, houve muitas fraudes e diversos brasileiros recebendo as cotas do programa de forma indevida.

Publicidade

Para contornar este cenário, a Caixa agora determina que os beneficiários e demais clientes do aplicativo Caixa Tem envie a documentação solicitada para atualização: foto e documentos pessoais (RG, CPF e comprovante de endereço). O envio se dá de forma exclusiva por aparelhos celulares.

Publicidade

Como atualizar?

Basta acessar o aplicativo Caixa Tem e procurar a conversa “Atualize seu cadastro”. Caso a opção ainda não esteja disponível em seu app, ela deve aparecer nos próximos dias, uma vez que esta atualização está sendo realizada de forma escalonada e se inicia nesta quinta-feira (11).

Publicidade

Cronograma

  • Janeiro e fevereiro – Quinta (11)
  • Março e Abril – Sexta (12)
  • Maio e Junho – Segunda (15)
  • Julho e Agosto – Terça (16)
  • Setembro e Outubro – Quarta (17)
  • Novembro e Dezembro – Quinta (18)

Valores

Nesta nova configuração, o Auxílio Emergencial terá valores distintos nas parcelas de acordo com o tipo de beneficiário, como sinaliza a proposta em votação. Homens solteiros recebem R$ 175, mulheres chefes de família serão contempladas com R$ 375, enquanto os demais beneficiários receberão R$ 250. A volta do programa será com quatro cotas de pagamentos.

Publicidade
Publicidade