in

Mulher morre vítima da Covid logo após dar à luz e marido faz homenagem comovente: ‘casa vazia sem sua risada’

Jovem de 27 anos deixou o esposo e as duas filhas, após não resistir às complicações da Covid-19.

G1

A pandemia do coronavírus tem assolado a população brasileira de forma arrebatadora nos primeiros meses de 2021. Nas últimas semanas, o país tem registrado uma sequência de recordes negativos em número de casos de infecção e principalmente de óbitos em decorrência da doença. Com a vacinação ainda em estágio lento, o cenário de indefinição sobre quando a pandemia será superada cresce.

Publicidade

Grávida da segunda filha, a jovem Gabriela de Melo Oliveira Porto, de 27 anos, entrou para as estatísticas como mais uma vítima fatal da Covid-19. Residente em Sorocaba, no interior paulista, ela morreu no último dia 28 de fevereiro, em uma unidade hospitalar pública. Gabriela veio a óbito pouco tempo depois dar à luz.

A informação da morte da paciente foi oficializada no dia 1º de março, pela Prefeitura de Sorocaba.

Publicidade

Homenagem emocionante

Passado pouco mais de uma semana da morte da esposa, Renan Porto utilizou as redes sociais para desabafar e fazer uma homenagem à amada, mãe de suas duas filhas. Além da recém-nascida, que apesar do quadro delicado da mãe, sobreviveu, o casal ainda tem mais uma menina de 7 anos. 

Publicidade

Em uma postagem feita no Facebook, Renan expressou o sentimento de saudade e trouxe algumas memórias da companheira com quem foi casado por nove anos, e se relacionava há 15 anos, desde os tempos de escola.

Publicidade

“Pense numa pessoa feliz, era essa menina. Era o dia todo assim, a cada 10 coisas que eu falava, 9 ela dava risada. Quanta falta você faz aqui, meu amor, a casa está vazia sem a sua risada”, disse o marido de Gabriela.

O corpo da jovem foi sepultado no Cemitério Memorial Park, localizado em Sorocaba. Por conta dos protocolos das autoridades sanitárias, a cerimônia foi restrita, com familiares acompanhando à distância.

Publicidade
Publicidade