in

Vítimas da Covid-19 em curto intervalo, pai e filho são enterrados no mesmo dia e família fica desolada

Pai e filho foram vítimas da Covid-19 em um curto intervalo de tempo; homenagens na internet comovem.

G1

A pandemia do coronavírus segue assolando a população brasileira de forma arrebatadora. Somente nesta semana, o país registrou a marca de 10 mil óbitos – recorde negativo desde o surgimento dos primeiros casos da doença. Em Otacílio Costa (SC), a história de pai e filho mortos pela Covid-19 em um curto intervalo de tempo causou forte comoção. 

Publicidade

Internados no Hospital Tereza Ramos, em Lages, Vendolino Borghezan, de 71 anos, e o filho Clederson Borghezan, de 32 anos, morreram com menos de 24 horas de diferença. Ambos estavam internados em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Os dois acabaram sendo sepultados ao mesmo tempo, na última sexta-feira (05), em Otacílio Costa, cidade da região serrana de Santa Catarina.

De acordo com dados da prefeitura do município, Vendolino e Clederson são as 17ª e 18ª vítima da Covid-19. Além disso, outro filho do patriarca se encontra hospitalizado tratando a infecção por coronavírus. Ele está internado na enfermaria do Hospital Santa Clara, no município onde a família reside. 

Publicidade

Comoção

A morte de pai e filho gerou uma forte comoção nas redes sociais entre familiares e amigos. Popularmente conhecido como Kedy, Clederson era DJ e estudante de engenharia de produção. Ele deu entrada na unidade hospitalar de Lages no dia 18 de fevereiro. 

Publicidade

Já Vendolino precisou ser internado na UTI no dia 2 de março, em função das complicações proporcionadas pela doença. Após duas semanas internado, Kedy não resistiu, morrendo na noite da última quinta (04). Na manhã do dia seguinte, o aposentado também acabou morrendo. 

Publicidade

A universidade em que Clederson estudava fez uma homenagem em memória do aluno e do pai. Amigos também se pronunciaram, enviando mensagens de solidariedade aos familiares.

“Querida família, diante de tamanha dor não tenho palavras nesta hora. Clamo a Deus que dê força para vocês, queridos amigos. Se sintam abraçados. Contem com minhas orações”, afirmou uma amiga de Kedy.

Publicidade
Publicidade
Publicidade