in

Bolsonaro lamenta as mortes por Covid-19 e crava: ‘nosso governo está indo muito bem’

Presidente discursou para apoiadores um dia depois de Brasil registrar 1.840 mortes por Covid-19 em 24 horas.

Twitter Samuel Pancher

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) participou da cerimônia de inauguração da Ferrovia Norte-Sul – trecho São Simão, em Goiás, a Estrela d’Oeste, em São Paulo -, nesta quinta-feira (4). Na cidade goiana, Bolsonaro discursou para apoiadores ao lado do ministro da Infraestrutura Tracísio Gomes de Freitas.

Publicidade

O discurso feito por Bolsonaro, que não usava máscara no momento em que falava com os apoiadores, circula pelas redes sociais e chama a atenção por ter sido feito no dia seguinte ao Brasil ter registrado 1.840 mortes em decorrência da Covid-19 no período de 24 horas.

“Temos um problema que é o vírus. Tem que enfrentar. Não adianta ir para debaixo da cama. Lamentamos as mortes, mas temos que conviver e vencer. O Brasil é um dos países que mais vacinam no mundo”, disse Bolsonaro na primeira parte do discurso. Os apoiadores gostavam do que ouviam.

Publicidade

“Não tem o que falar de mim, falam agora que eu sou negacionista. Não tem o que falar. O nosso governo está indo muito bem”, finalizou o presidente Bolsonaro. Desde março do ano passado, quando a pandemia começou, Bolsonaro vem sendo criticado pela postura do governo federal durante este período.

Publicidade

Desde o começo da pandemia, o Brasil registra mais de 250 mil mortes em decorrência da doença causada pelo coronavírus. O país é o segundo do mundo em número de óbitos, atrás apenas dos Estados Unidos, que registra mais de 500 mil óbitos. Ontem, o Brasil registrou 1.840 mortes em 24 horas, recorde negativo que deixou muita gente perplexa com a situação de calamidade.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!