in

Mãe com Covid-19 é intubada um dia depois de dar à luz trigêmeos em SC; estado é delicado e marido desabafa

Mulher deu nova entrada no hospital no dia 22 de fevereiro, dois dias antes de dar à luz trigêmeos.

G1

Um dia depois de lar à luz aos pequenos Théo, Manoela e Alice, Carolina Gotardo, de 39 anos, foi intubada em uma unidade hospitalar da cidade de Chapecó, em Santa Catarina. Diagnosticada com Covid-19, ela apresentava grave infecção no pulmão. O caso foi registrado na última semana, mais precisamente no dia 25 de fevereiro.

Publicidade

A paciente e os três filhos seguem internados em recuperação. Pai das crianças, Irno Gotardo, de 43 anos, viu as crianças pessoalmente pela primeira vez nesta segunda-feira (1). 

Anteriormente, Irno vinha sendo atualizado da situação dos trigêmeos através de videochamada. Os bebês não nasceram com Covid-19. Por conta do afastamento do pai das crianças do trabalho, – casal ainda tem outros três filhos – familiares resolveram ajudá-lo para custear os custos de deslocamento do vendedor até o hospital e gastos em casa. 

Publicidade

Apreensivo

Contente pelo nascimento dos filhos, Irno agora torce pela recuperação da esposa. Segundo ele, todos os familiares estão apreensivos para Carolina Gotardo retornar o mais breve para casa, acompanhada das crianças, que estão ganhando peso. 

Publicidade

“A Carol ainda continua entubada, os resultados deram um pouco mais positivo. O pulmão está reagindo, mas os rins não estão correspondendo, pode ter a possibilidade dela fazer hemodiálise. Mas já teve esse sinal de melhora em relação aos pulmões”, disse Irno. 

Publicidade

Segundo Fernanda Grimaldi, irmã da paciente, Carolina deu entrada no hospital no dia 8 de fevereiro, quando estava com 27 semanas, para tratar uma alteração no quadro de diabetes. Após permanecer sete dias internada, ela teve alta.

Contudo, ao retornar para casa, a grávida começou a apresentar sintomas da Covid-19, e acabou retornando ao hospital no dia 22 de fevereiro. Na ocasião, ela apresentava dificuldades para respirar. Dois dias depois ela foi submetida a uma cesárea. As crianças nasceram com 1,2 kg e estão na unidade para ganhar peso. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade