in

Enfermeira recusa vacina chinesa, é demitida de hospital e morre dias depois de Covid-19

Priscila já havia contraído a doença; ela recusou o imunizante por achar que não pegaria de novo.

Arquivo pessoal Priscila Veríssimo

A Covid-19, doença causada pelo coronavírus, continua fazendo vítimas em todo o Brasil. Ao todo, mais de 250 mil pessoas perderam a vida em decorrência da doença. Neste dia 26 de fevereiro, completa um ano do primeiro caso de Covid-19 registrado no Brasil. O paciente diagnosticado era de São Paulo.

Publicidade

Ao longo do último ano, mais de 10 milhões de pessoas foram contaminadas. Algumas adoeceram mais de uma vez. A enfermeira Priscila Veríssimo entrou para as duas estatísticas: a de reinfecção e a de morte.

Priscila tinha 35 anos e trabalhava como enfermeira no Complexto Hospitalar Manoel Andre (Chama), em Arapiraca, Alagoas. Priscila era apoiadora do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e costumava compartilhar vídeos do chefe da nação nas redes sociais.

Publicidade

A enfermeira foi demitida do hospital onde trabalhava, porque se recusou a tomar a vacina CoronaVac, produzida pelo Instituto Butantan em parceria com o laboratório chinês Sinovac. Naquele momento, Priscila já havia tido Covid-19 e acreditava que não seria reinfectada.

Publicidade

Na semana passada, Priscila contraiu a doença causada pelo coronavírus mais uma vez. As complicações foram grandes e a enfermeira de apenas 35 anos não resistiu à doença e morreu na quarta-feira (24). Priscila deixa uma filha de dois anos.

Publicidade

A vacina contra a Covid-19 é a única forma segura de evitar ter complicações graves em decorrência da doença. No caso da CoronaVac, a proteção começa apenas a segunda dose do imunizante. Profissionais de saúde estão no grupo prioritário para tomarem a vacina. No Brasil, mais de 5 milhões de pessoas já foram vacinadas.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!